Ponto Eco do Recreio da Juventude recicla 25 toneladas de lixo por ano

Espaço recebe os resíduos gerados nas sedes do clube

Na semana em que se celebra o Dia Mundial do Meio Ambiente, no dia 5 de maio, o Recreio da Juventude apresenta o seu Ponto Eco, o serviço que é a colaboração do clube para a manutenção do meio ambiente saudável e preservado para as gerações futuras. Por ano, em média, o espaço recicla cerca de 25 toneladas de lixo.

Em todas as sedes e espaços do clube há lixeiras específicas para cada material, reciclável ou orgânico. Todos os resíduos gerados nas sedes Social, Guarany e Juventude, incluindo alumínio, papel, plástico e garrafas PET, entre outros, são encaminhados para o Ponto Eco, onde é feita a separação final e a organização em fardos.

Depois de separados, os resíduos são repassados para empresas especializadas para o reaproveitamento. O repasse é feito a cada dois ou três meses, no inverno, e todos os meses no verão. Cada entrega tem, em média, 5 toneladas de lixo. O que não é reciclado é recolhido pela Codeca. 

“Faço a separação e procuro classificar o máximo de material possível para a reciclagem. É um trabalho bem importante para o RJ, para todos nós e os associados”, explica a funcionária Eva Rosane de Oliveira, responsável pelo espaço.

Ela reforça o pedido para que todos os usuários do clube façam a separação correta nas lixeiras e não deixem o lixo espalhado pelas sedes, de forma a garantir o pleno reaproveitamento dos materiais e garantir a preservação das áreas do clube.

O Ponto Eco foi implantado no clube em 2010. A implantação incluiu a organização, otimização e redistribuição das lixeiras coletoras, e a instalação de uma linha de produção com espaços para armazenagem, enfardamento e pesagem do lixo.

 

Clique aqui e saiba mais sobre o Ponto Eco